COMUNICAÇÃO NO RELACIONAMENTO DIGITAL DO BANCO X COM SEUS CLIENTES ALTA RENDA: UMA EXPOSIÇÃO DE CASO

  • admin admin
  • JULIANA YUKIKO COSTA CHIBA Faculdade Famaqui
  • Luis Orlando Chamorro Vergara Faculdade Famaqui
Palavras-chave: Bancos, relacionamento digital; telefone; APP; e-mail; videoconferência.

Resumo

RESUMO

O presente trabalho pretende analisar a transformação no relacionamento digital dos Bancos tradicionais com seus clientes de alta renda, mostrando as quatro principais modalidades de interação ativa: telefone, e-mail, APP e videoconferência. As redes sociais como Twuitter, Facebook e Wattsapp são ferramentas digitais de comunicação utilizadas de forma reativa, por isso não serão objeto do presente estudo.

Palavras chaves:Bancos, relacionamento digital; telefone; APP; e-mail; videoconferência.

ABSTRACT

The present work intends to analyze the transformation in the digital relationship of traditional Banks with their high income clients, showing the four main modalities of active interaction: telephone, e-mail, APP and videoconference. Social networks like Twuitter, Facebook and Wattsapp are digital communication tools used in a reactive way, so they will not be the object of the present study.

Key words: Banks, digital relationship; telephone; APP; email; video conference.

Biografia do Autor

JULIANA YUKIKO COSTA CHIBA, Faculdade Famaqui

REFERÊNCIAS

ABRÃO, Nelson. Direito bancário. 17ª edição, revista, atualizada e ampliadapelo Desembargador Carlos Henrique Abrão. São Paulo: Saraiva. 2018. p 413.

ASSAD, NANCY. Marketing de conteúdo: como fazer sua empresa decolar no meio digital, ilustração Gabriel Lopes - 1. ed. - São Paulo: Atlas, 2016.

BANCO DO BRASIL. Disponível em https://www.bb.com.br. Acesso em 20 de janeiro de 2019.

MEIRELLES,Franklin de Souza,  SABIO, Renata Pozelli. UM NOVO CRITÉRIO DE ESTRATIFICAÇÃO SOCIAL E DE CONSUMO. RAE-Revista de Administração de Empresas | FGV-EAESP, vol. 54 nº5,resenha da obra: ESTRATIFICAÇÃO SOCIECONÔMICA E CONSUMO NO BRASIL de Wagner A. Kamakura; José Afonso Mazzon. São Paulo: Editora Blucher, 2013. 286 páginas. São Paulo, 2014.

MATTOSO, Cecilia Lima de Queirós. Classes Sociais: Uma discussãosobre os conceitos na Sociologia e Antropologia e sua incorporação ao Marketing. Artigo científico.

McMILLAM, Jonathan. O fim dos Bancos: moeda, crédito e a revolução digital; tradução Afonso Celso da Cunha Serra. – 1ª ed. – São Paulo: Portfolio-Penguin, 2018.

MORAIS, FELIPE, Planejamento estratégico digital – São Paulo: Saraiva, 2015.

RODRIGUES, BRUNO.Webwriting: redação para a mídia digital. São Paulo: Atlas, 2014.

SIMÃO FILHO, ADALBERTO. Estabelecimento empresarial digital: natureza, elementos, atributos e valoração. In: O Direito na Sociedade da Informação III. Liliana Minardi Paesani Coordenadora. Et. al.São Paulo. Editora Atlas S.A., 2013.

 

 

Referências

REFERÊNCIAS

ABRÃO, Nelson. Direito bancário. 17ª edição, revista, atualizada e ampliadapelo Desembargador Carlos Henrique Abrão. São Paulo: Saraiva. 2018. p 413.
ASSAD, NANCY. Marketing de conteúdo: como fazer sua empresa decolar no meio digital, ilustração Gabriel Lopes - 1. ed. - São Paulo: Atlas, 2016.
BANCO DO BRASIL. Disponível em https://www.bb.com.br. Acesso em 20 de janeiro de 2019.
MEIRELLES,Franklin de Souza, SABIO, Renata Pozelli. UM NOVO CRITÉRIO DE ESTRATIFICAÇÃO SOCIAL E DE CONSUMO. RAE-Revista de Administração de Empresas | FGV-EAESP, vol. 54 nº5,resenha da obra: ESTRATIFICAÇÃO SOCIECONÔMICA E CONSUMO NO BRASIL de Wagner A. Kamakura; José Afonso Mazzon. São Paulo: Editora Blucher, 2013. 286 páginas. São Paulo, 2014.
MATTOSO, Cecilia Lima de Queirós. Classes Sociais: Uma discussãosobre os conceitos na Sociologia e Antropologia e sua incorporação ao Marketing. Artigo científico.
McMILLAM, Jonathan. O fim dos Bancos: moeda, crédito e a revolução digital; tradução Afonso Celso da Cunha Serra. – 1ª ed. – São Paulo: Portfolio-Penguin, 2018.
MORAIS, FELIPE, Planejamento estratégico digital – São Paulo: Saraiva, 2015.
RODRIGUES, BRUNO.Webwriting: redação para a mídia digital. São Paulo: Atlas, 2014.
SIMÃO FILHO, ADALBERTO. Estabelecimento empresarial digital: natureza, elementos, atributos e valoração. In: O Direito na Sociedade da Informação III. Liliana Minardi Paesani Coordenadora. Et. al.São Paulo. Editora Atlas S.A., 2013.
Publicado
2021-07-17